Home > Marist World > Brazil: Irmão Clemente Ivo Juliatto reconduzido ao cargo de reitor da PUCPR para mais um quadriênio

 


 



 


Social networking

Marist Brothers

RSS YouTube FaceBook Twitter

 

Today's picture

Cambodia: Pulung community in the countryside

Marist Brothers - Archive of pictures

Archive of pictures

 

Latest updates

 


Calls of the XXII General Chapter



FMSI


Archive of updates

 

Marist Calendar

25 August

Ss Louis and Joseph Calasanz

Marist Calendar - August

Irmão Clemente Ivo Juliatto reconduzido ao cargo de reitor da PUCPR para mais um quadriênio

 

Archive: 2019 | 2018 | 2017 | 2016 | 2015 | 2014 | 2013 | 2012 | 2011 | 2010 | 2009 | 2008 | 2007 | 2006 | 2005 | 2004

29/08/2005: Brazil

 

PUC De forma unânime, as principais lideranças da comunidade universitária e o arcebispo e Grão-Chanceler dom Moacyr José Vitti, e após serem avaliados os projetos executados e em andamento, o Conselho de Administração da Associação Paranaense de Cultura, entidade marista mantenedora da PUCPR, comunica a Vossa Excelência, em primeiríssima mão, a recondução do Professor Doutor Irmão Clemente Ivo Juliatto ao cargo de reitor da PUCPR para mais um quadriênio. O novo período terá a duração de 1.º de janeiro de 2006 a 31 de dezembro de 2009. Pessoa de visão, comprometida com o desenvolvimento e com o futuro, Juliatto reúne as qualidades necessárias para levar a bom termo os destinos da Instituição.

Nos últimos 8 anos (1998-2005), sob a condução do reitor Clemente, a PUCPR registrou índices de crescimento praticamente em todos os setores nos quais executa atividades. Atualmente, nos cinco campi, estudam 20.721 alunos em 52 Cursos de Graduação, 2533 alunos em Cursos de Especialização, 1243 em Cursos de Mestrado e Doutorado, 523 em Cursos Seqüenciais e 653 em Cursos de nível Técnico, totalizando 25.673 estudantes. Portanto, a Universidade de excelência se apóia principalmente na sua capacidade de sintonia social, qualidade, inovação e liderança regional e internacional.

A política clara de gerenciamento estratégico, as ações conscientes e planejadas da equipe diretiva, a seriedade dos professores e a aplicação dos alunos foram fatores que facilitaram à Universidade alcançar esse estágio de qualidade e reconhecimento público, a par de consolidar o seu conceito acadêmico, atingir os objetivos traçados e cumprir, integralmente, a missão de Universidade Católica, Pontifícia, Marista e Comunitária. Fruto do trabalho compartilhado por todos os membros da comunidade, a PUCPR diferenciou-se na introdução de metodologias pedagógicas e criação de novos programas sociais, prosseguindo sua trajetória histórica de Universidade moderna, dinâmica e cristã.

De forma planejada, ampliou a oferta de oportunidades educacionais, dinamizou a ação teórico-prática do conhecimento, qualificou professores, intensificou o relacionamento com o mercado de trabalho e esfera pública e prestou serviços essenciais à comunidade. Hoje, 76% dos docentes são mestres e doutores. Devidamente credenciados junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq, há 94 grupos de pesquisas, nos quais atuam mais de 600 pesquisadores e cientistas. Com integração de esforços, é nessa direção que prosseguirá seu trabalho. O compromisso é atuar em conjunto com as forças vivas da sociedade, com a Igreja, com o Estado e com a juventude.

Em face das necessidades crescentes, a Universidade continuará prestando cada vez mais trabalhos à população carente, também por meio do Programa de Ação Comunitária e Ambiental (ProAção), Núcleos de Prática Jurídica, Clínicas, Centro Social Champagnat, Projeto Comunitário, Programa Universidade Para Todos (ProUni) e várias outras unidades conveniadas. A partir de 2002, os alunos de graduação só podem colar grau após cumprirem, de forma sistematizada, 36 horas de trabalho comunitário, executado de conformidade com abordagens científicas e competência técnica. O eixo condutor é a solução de problemas regionais, formação da cidadania e ampliação da visão pessoal.

A Aliança Saúde, que incorpora o Hospital Universitário Cajuru, Santa Casa de Misericórdia de Curitiba, Hospital Nossa Senhora da Luz (Psiquiátrico) e Hospital-Maternidade Alto Maracanã, está utilizando modernos instrumentos gerenciais para beneficiar a população com grau superior de qualidade assistencial e fertilizar o aprendizado e a pesquisa dos cursos de ciências biológicas e da saúde. Isso garante crescimento qualitativo e quantitativo ímpar para essas instituições, a par de ampliar as oportunidades para novas especialidades e residências médicas, novos estágios e investigação interdisciplinar.

IrmãoO reitor Juliatto é paranaense de São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, onde nasceu em 16 de agosto de 1940. Iniciou a carreira docente em 1961, como professor de Ensino Fundamental. Durante quase uma década, preparou-se para ser gestor universitário. Na Harvard University, em Cambridge, Massachusetts, EUA, concluiu doutorado em Administração Universitária (1990). No mesmo ano, como Fulbright Scholar, desenvolveu pesquisa sobre a melhoria da qualidade da Educação e do desempenho nas Instituições de Ensino Superior. Alguns anos antes, em 1984, na Columbia University, em Nova Iorque, completou o Doutorado em Administração Universitária. Na mesma Instituição, realizou dois Cursos de Mestrado na área de Ensino Superior: Educação - Planejamento e Pesquisa Institucional (1982).

O compromisso do reitor é continuar a preparar o jovem tanto para a profissão, o trabalho e as tendências de mercado, quanto para a cidadania universal solidária e responsável. Essa garantia assegura melhor qualidade de vida para os brasileiros e gerações vindouras. Como entidade de ponta na formação, disseminação e preservação da intelectualidade e da cultura, ao longo do próximo quadriênio, a PUCPR consolidará o processo de implantação dos três campi no interior do Paraná: Londrina, inaugurado em 2002; Toledo, em 2003; e Maringá, em 2004. A interiorização da PUCPR representa a abertura de oportunidades educacionais e investimento na cidadania e na democratização do acesso ao ensino superior. É a melhor tentativa de assegurar um futuro mais próspero para a juventude. Ao mesmo tempo, a Universidade reitera aos estudantes, professores, funcionários, familiares e população em geral o seu compromisso de formar o jovem para as tendências, mudanças e cultura dos novos tempos e ajudá-lo a visualizar horizontes para sua realização pessoal e coletiva, cultivando valores relevantes e capitalizando energias de forma colaborativa.



Dario Bortolini, Irmão Marista, é presidente da Associação Paranaense de Cultura, mantenedora da Pontifícia Universidade Católica do Paraná.

596 visits